População espera há quatro meses por benefício do governador no transporte

 

A retirada do imposto do diesel é reivindicada levando em consideração que as empresas intermunicipais foram beneficiadas

Exatamente hoje (06) está completando quatro meses que o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, reivindicou oficial do governador Rui Costa uma redução no Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no diesel adquirido pelas empresas de ônibus urbanos. A solicitação foi feita levando em conta que as empresas intermunicipais foram beneficiadas com a total retirada do imposto.

 

O prefeito elencou uma série de argumentos, principalmente a redução de 60% no volume de passageiros desde o início da pandemia da Covid-19. Colbert Martins também elencou que o Governo Federal ainda não sinalizou atender o pedido da Frente Nacional de Prefeitos para abertura de um crédito extra para as empresas equacionarem o desequilíbrio econômico-financeiro, com o objetivo de amenizar a crise no setor

“O pode público tem que proporcionar alternativas que evitem um impacto maior num aumento de tarifa, sacrificando mais ainda a população. Lamentavelmente, passados quatro meses da nossa reivindicação, oficialmente protocolada na Governadoria, o governador Rui Costa não deu qualquer resposta”, frisou o prefeito.

O prefeito de Feira de Santana lembra que, desde agosto de 2021, que o governador Rui Costa beneficiou as empresas intermunicipais. “Na época, ele argumentou que o incentivo é importante porque o setor de transporte intermunicipal de passageiros tem enfrentado sérias dificuldades financeiras com o prolongamento da crise sanitária, conforme palavras dele”, acrescentou.



Postar um comentário

0 Comentários