São Paulo inicia hoje aplicação de 3ª dose contra Covid-19; mais 7 capitais vacinam

 


A vacinação com a terceira dose, ou dose de reforço, contra a Covid-19 ocorre nesta quinta-feira (18) em oito capitais. A partir de hoje, todos os maiores de 18 anos poderão se vacinar com uma nova dose do imunizante, desde que tenham recebido a segunda dose há pelo menos cinco meses.

São Paulo inicia hoje a vacinação. Outras sete capitais já aplicam a terceira dose: Porto Alegre, Goiânia, Campo Grande, Maceió, São Luís, Belém e Palmas. Mais duas capitais pretendem começar a aplicar a terceira dose nesta semana, a partir de sexta-feira (19): Aracaju e Macapá.

A nova orientação segue a decisão semelhante do Ministério da Saúde, que na terça-feira (16) passou a recomendar o reforço para todos os adultos.

A diretriz anterior orientava que a dose fosse aplicada apenas em profissionais da saúde, idosos com mais de 60 anos e imunossuprimidos, após 6 meses da segunda dose.

Dessa forma, quem tomou a segunda dose das vacinas contra a Covid-19 entre janeiro e junho, já é elegível para uma terceira.

São Paulo

Em São Paulo, o governo reforçou a orientação de que qualquer imunizante disponível – Pfizer, AstraZeneca ou Coronavac – é adequado para a nova dose e oferece a proteção contra a doença.

Segundo o governo paulista, um grupo de cerca de 710 mil pessoas passam a poder receber o imunizante no estado.

Para aqueles que receberam a vacina de dose única, fabricada pela Janssen, a terceira dose deve levar mais algum tempo. Isso porque a nova orientação do Ministério da Saúde é de que essas pessoas tomem uma segunda dose do imunizante oito semanas após a primeira e, só então, comecem a contagem dos cinco meses para a dose de reforço.

Sobre a aplicação da segunda dose da Janssen, o estado afirma apenas que a campanha dependerá da disponibilidade do imunizante no território nacional e dos envios do Plano Nacional de Imunização (PNI).

Atualmente, cerca de 85,52% da população maior de 12 anos do estado de São Paulo já recebeu as duas doses da vacina contra a Covid-19 e 9,09% já recebeu a dose de reforço.

Entenda como fica o reforço da vacinação contra a Covid-19 no Brasil

*Sob supervisão de Sinara Peixoto

Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários