Palmeiras vence Flamengo na prorrogação e conquista 3º título da Libertadores

 


O Palmeiras precisou de apenas 301 dias para conquistar um raro bicampeonato consecutivo da Copa Libertadores. Com gols de Raphael Veiga e Deyverson, este na prorrogação, venceu o Flamengo por 2 a 1, neste sábado (27), no Estádio Centenário, em Montevidéu, e faturou o seu terceiro título da principal competições de clubes da América do Sul.

Campeão pela primeira vez da Libertadores em 1999, o Palmeiras também havia vencido a edição anterior da competição, concluída apenas em janeiro deste ano. E agora se juntou a Santos, São Paulo e Grêmio como outros clubes brasileiros que ganharam três vezes o torneio.

Assim como em janeiro, quando Breno Lopes deixou o banco de reservas para marcar o gol do título do Palmeiras, outro centroavante reserva foi acionado em Montevidéu para garantir uma nova taça para o clube: Deyverson. De volta do futebol espanhol em junho, entrou em campo antes do início da prorrogação e acabou sendo autor do decisivo gol no quarto minuto do tempo extra.

Mais do que isso, o Palmeiras alcançou um feito raro, ao ser bicampeão consecutivo da Libertadores, algo que tinha ocorrido pela última vez na competição em 2001, pelo Boca Juniors. Dessa vez, a taça veio com 9 vitórias (sendo a deste sábado na prorrogação), três empates e uma derrota, uma campanha que incluiu a eliminação de três clubes brasileiros nas fases decisivas: São Paulo, Atlético-MG e, agora, o Flamengo.

Esta foi a sexta final da Libertadores do Palmeiras, agora com três títulos e três derrotas, em 1961, 1968 e 2000. Já o Flamengo pela primeira vez perdeu uma decisão do torneio – havia sido campeão em 1981 e 2019. E superar esse retrospecto positivo do rival em finais não foi o único desafio do time paulista para deixar Montevidéu com a taça.

Afinal, o retrospecto palmeirense diante do Flamengo era péssimo nas últimas temporadas, com a última vitória tendo acontecido em 2017. Ela havia ocorrido em 12 de novembro daquele ano, quando Deyverson marcou duas vezes para definir o triunfo por 2 a 0. Agora, então, ele volta a ser decisivo para o clube.

Depois disso, eram cinco derrotas e quatro derrotas nos nove compromissos seguintes do Palmeiras contra o adversário. O Flamengo também havia vencido o time paulista nas duas decisões anteriores, na Copa Mercosul de 1999 e na Supercopa do Brasil deste ano.

Além disso, no Estádio Centenário, o Palmeiras perdeu as finais de 1961 (jogo de ida) e de 1968 da Libertadores. E, neste sábado, a torcida do Flamengo ocupava a maior parte das arquibancadas para acompanhar o mais importante duelo entre dois times protagonistas no futebol brasileiro e sul-americano nos últimos anos.

O Flamengo, afinal, é o atual bicampeão brasileiro, além de ter vencido a Libertadores em 2019. O Palmeiras, por sua vez, faturou a Copa do Brasil e a Libertadores na temporada 2020, título que agora volta a conquistar, além de ter ganhado o Brasileirão em 2016 e 2018.

Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários