Elétricos da Hyundai e da Kia se destacam no Salão do Automóvel de Los Angeles

 

Montadoras sul-coreanas esperam repetir sucesso de SUVs populares com novos veículos-conceito elétricosHyundai / Divulgação. Peter Valdes-Dapenado CNN Business*

Hyundai e a Kia parecem estar dispostas a entrarem de vez no mercado de veículos-conceito elétricos.

As montadoras apresentaram modelos de carros SUV elétricos no Salão do Automóvel de Los Angeles, na quarta-feira (17). Segundo as duas empresas, eles eram uma prévia de modelos futuros reais.

Entre as novidades está o Hyundai Seven, que não tem volante, mas uma alavanca de direção que se dobra para uma direção autônoma. Seus assentos traseiros são dispostos como um sofá, dobrando em forma de L em torno do canto traseiro do SUV.

Já o Kia EV9 é menos fantasioso. Ele tem um volante retangular — veículos-conceito raramente têm volantes redondos — e assentos dispostos em fileiras como os de um SUV real.

Hyundai e Kia são empresas estreitamente relacionadas e costumam compartilhar a engenharia de seus veículos.

A Hyundai Motor Group, mãe da multinacional coreana que carrega o mesmo nome, possui uma grande parte da Kia, e ambas tiveram sucesso com grandes SUVs crossover movidos a gasolina.

As duas empresas tiveram SUVs populares que tornaram difícil manter em estoque, como o Telluride, da Kia, e o Palisade, da Hyundai.

Agora, elas querem continuar a manter esse sucesso na transição para os veículos elétricos. Os modelos são veículos-conceito, em vez de modelos de produção, mas as montadoras dizem que oferecem pistas para produtos futuros reais.

Os conceitos estão cheios de recursos que provavelmente não os tornarão um SUV de produção. Ambos têm portas que se abrem para fora a partir do centro, como se fossem portas de um celeiro, sem pilar central.

/Hyundai Seven

“Não há como negar que as marcas sul-coreanas tiveram recentemente um sucesso um pouco maior do que o esperado no segmento de SUV grandes”, disse Jessica Caldwell, analista da indústria do site automotivo Edmunds.com.

“Embora ambos os veículos-conceito pareçam estar muito longe da produção real, eles são indicadores positivos de que Hyundai e Kia estão pensando em aumentar sua base de clientes e expandir sua linha de produtos SUV para incluir versões eletrificadas no futuro”, acrescentou.

Hyundai e Kia  afirmaram que esses conceitos compartilham a mesma engenharia subjacente, chamada de “E-GMP” ou Electric Global Modular Platfor.

Trata-se de uma plataforma de engenharia de veículos elétricos básicos altamente flexível, que pode ser usada para criar uma variedade de modelos de tipos e tamanhos amplamente diferentes.

Hyundai Seven

O Hyundai Seven foi projetado para oferecer uma experiência de “lounge premium”, de acordo com a Hyundai. Lâmpadas embutidas no interior das portas espalham um brilho quente quando elas se abrem.

Além disso, há uma pequena geladeira e um compartimento para limpar e refrescar os sapatos dos ocupantes. No teto, destaca-se uma enorme tela de vídeo na qual os indivíduos podem assistir o que quiserem.

O modelo também demonstra uma grande preocupação com a higiene. O fluxo de ar pode ser separado para ocupantes dianteiros e traseiros para evitar contaminação cruzada.

Luzes ultravioletas integradas podem higienizar o compartimento de passageiros, e também existem compartimentos de higienização para matar germes em pertences pessoais.

Kia Concept 9

O Kia Concept 9 tem recursos “mais normais”. A montadora se orgulha de sua capacidade de carregamento rápido, indicando que será capaz de ir de apenas 10% de carga a 80% em menos de 30 minutos.

Conceito EV9 / Kia

Quando os veículos estiverem estacionados, os assentos podem ficar voltados um para o outro, para uma conversa cara a cara. Em vez de uma tela na parte de cima, ele possui um grande teto solar panorâmico, recurso oferecido em muitos SUVs atualmente.

Tanto a Hyundai quanto a Kia esperam começar a vender novos carros elétricos pequenos baseados na mesma plataforma E-GMP já no início do próximo ano. Nenhuma das montadoras disse quando, exatamente, eles começariam a vender os veículos.

(Texto traduzido. Leia o original aqui)

Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários