Após chuvas intensas, Defesa Civil inicia vistoria nos bairros

 


Situações de risco podem ser denunciadas pelo Fala Feira 156

Entre terça (2) e a madrugada deste sábado (6) choveu 106 milímetros em Feira de Santana. Índice acima do esperado para o mês, que era o acumulado de 67,4 milímetros, segundo dados do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). As fortes chuvas, com incidência de raios e trovões, têm preocupado a Defesa Civil que iniciou a vistorias nos bairros de Feira de Santana.

Neste sábado, 6, a equipe esteve no Jardim Cruzeiro, Feira X, Baraúnas e Mangabeira, observando situações que possam apresentar risco pra a população. Acúmulo de lixo em córregos, canais e bueiros, impedindo o devido escoamento da água, foi a principal ocorrência encontrada - situação encaminhada para Secretaria de Serviços Públicos (SESP) e Superintendência de Operações e Manutenção (SOMA).

Vale destacar que a SESP e a SOMA iniciaram uma força tarefa na última quinta-feira, 4, atuando na limpeza de canais, bueiros e redes de água pluvial como medida preventiva aos alagamentos.

Segundo Ana Karoline Rebouças, coordenadora da Defesa Civil, a previsão é que a chuva prossiga até amanhã (7). "Até o momento não houve solicitações pelo Fala Feira 156. A chuva não tem atingido todo o município, mas tem ocorrido de forma intensa em locais pontuais", afirma.

No período chuvoso, a população deve ficar atenta para as rachaduras e danos estruturais nos prédios e residências. Situações como essa podem ser avaliadas pela Defesa Civil, solicitadas pelo Fala Feira 156. O órgão municipal também recomenda algumas medidas para evitar tragédias.


Postar um comentário

0 Comentários