Prefeitura é surpreendida com manifestação impedindo a circulação de ônibus da Rosa

 

Governo Municipal já adotou providências judiciais para garantir o transporte público

A Prefeitura de Feira de Santana foi surpreendida nas primeiras horas da manhã de hoje, 27, com uma manifestação impedindo a saída de ônibus da garagem da Empresa Rosa.

O Governo Municipal, através da Procuradoria Geral (PGM), já adotou providências judiciais a fim de restabelecer a normalidade da operação de transporte público urbano e a garantia do interesse coletivo.

O ato de caráter político-partidário é organizado pelo manifestante Ubiratan Fonseca de Jesus. O mesmo foi nomeado para o cargo de agente parlamentar no gabinete do vereador Silvio Oliveira (Sílvio Dias), conforme o Diário Oficial do Poder Legislativo, publicado em 11 de junho de 2021. A manifestação compromete as 109 linhas de transporte do município. 

São apenas quatro linhas rurais que, emergencialmente, estão sendo atendidas pelo STPAC (Sistema de Transporte Público Alternativo e Complementar).  

A frota de ônibus da concessionária Rosa, bem como colaboradores (motoristas e cobradores) estão preparados para iniciarem a operação assim que os manifestantes desobstruam o local. 

A Guarda Municipal foi acionada para manter a ordem e preservar a segurança de operadores do Sistema Integrado de Transporte (SIT). 

O ato prejudica a população do município que utiliza o serviço essencial para se deslocar ao trabalho e locais de vacinação. Fiscais da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) orienta usuários, nos terminais de transbordo (Norte e Central), afetados com a falta do transporte público.

Postar um comentário

0 Comentários