Líderes da Câmara analisam o preço de combustíveis nesta segunda-feira (4)

 

Serão discutidos dois projetos: unificação dos valores de cobrança do ICMS e a criação de um fundo para estabilizar a variação do preço de itens ligados ao petróleo

CNN Brasil - O preço dos combustíveis segue mobilizando discussões em Brasília. Líderes partidários voltam a discutir o tema nesta segunda-feira (4) com o presidente da Câmara, o deputado Arthur Lira (PP-AL).

Segundo o presidente da Câmara, o encontro de hoje será voltado para costurar um entendimento entre as lideranças e fazer a análise de duas propostas.

Eles vão discutir um projeto que unifica os valores de cobrança do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) e também a criação de um fundo para estabilizar a variação do preço de itens ligados ao petróleo.

Essas propostas também são discutidas dentro do governo Jair Bolsonaro e mobilizam também as lideranças do Senado.

Fundo para combustíveis

Conforme informou a analista de política da CNN Basília Rodrigues, o governo desistiu de incluir dividendos da Petrobras na proposta que cria um fundo de compensação à alta de combustíveis.

A ideia é que o fundo seja composto por recursos da própria área, mas sem avançar sobre os dividendos, o lucro distribuído a acionistas da empresa, para não implicar no uso de recursos do Tesouro e não virar alvo de questionamentos de investidores estrangeiros da estatal.

De acordo com integrantes da equipe econômica, no lugar dos dividendos, o fundo contaria com recursos oriundos de ativos da Petrobras, da venda de subsidiárias e ações da Pré-sal Petroleo S.A. (PPSA), braço da União criada no governo de Dilma Rousseff que atua na gestão do modelo de exploração do petróleo.

(Publicado por Daniel Fernandes)

Postar um comentário

0 Comentários