Corpo é encontrado despido e enterrado no bairro Jardim Cruzeiro

 

Ainda não há confirmação se o corpo é do professor José Eduardo, desaparecido desde a última quarta-feira (27)

Acorda Cidade - O corpo de um homem foi encontrado enterrado no fundo de uma construção, na tarde desta sexta-feira (29,) na Rua Paulo Afonso, bairro Jardim Cruzeiro, em Feira de Santana.

Em entrevista ao Acorda Cidade, o delegado titular da Delegacia de Homicídios (DH), Rodolfo Faro, explicou que ainda não é possível confirmar se o corpo encontrado é do professor José Eduardo Menezes, desaparecido desde a noite da última quarta-feira (27).

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

"Ainda não existe uma confirmação oficial que a vítima encontrada enterrada nos fundos de um estabelecimento comercial em construção trata-se de José Eduardo Menezes, que encontra-se desaparecido desde o dia 27. Existem informações de que pode ser, em razão das vestes que foram encontradas no corpo da vítima e que foram reconhecidas por familiares, mas apenas com a realização da perícia será confirmada a identidade da vítima", explicou.

De acordo com o delegado Rodolfo Faro, não foi possível fazer a identificação no local, em virtude da grande quantidade de terra que estava sobre o corpo.

Foto: Carlos Valadares

"O corpo, apesar de o crime ter dois dias, ainda estava em perfeito estado de reconhecimento, embora estava muito sujo de terra porque estava enterrado. Ela já apresentava o início de decomposição, mas só com a realização do exame médico legal os familiares serão convocados no Instituto Médico Legal para fazer o reconhecimento, haja vista que existe a possibilidade de fazer o reconhecimento facial", disse.

As imagens colhidas pela Polícia Civil identificam que o professor José Eduardo Menezes desce do veículo e se dirige para o local onde o corpo foi encontrado.

"O carro dele foi localizado nas imediações deste local, e isso mostra mais uma possibilidade de se tratar da mesma pessoa. Existem imagens também que mostram o professor saindo do carro e se deslocando em direção ao local do crime, onde o corpo foi encontrado e tudo isso são indícios que pode sim se tratar da mesma pessoa", declarou.

Segundo o delegado Rodolfo Faro, o acusado do crime já fugiu do município de Feira de Santana. Ainda segundo ele, a Polícia Civil teve o conhecimento do fato através do proprietário da construção.

Foto: Carlos Valadares

"Na tarde de hoje, aqui na Delegacia de Homicídios, o proprietário desse estabelecimento comercial, acompanhado de um advogado, nos procurou informando que um dos seus funcionários, que trabalha como pedreiro, teria confessado ao mesmo que no dia de ontem praticou esse delito, afirmando que teria matado a vítima com golpes de pá. Inclusive esse material foi encontrado no local com manchas de sangue. Após ele tomar o conhecimento desse fato, relatado pelo próprio autor do crime, ele nos procurou e informou à nossa equipe, que se deslocou até o local e escavou, encontrando o corpo. Esse acusado já está sendo procurado, nós já encontramos os familiares dele, mas a princípio, ele já fugiu de Feira de Santana, porém através dos depoimentos das testemunhas, iremos identificar e provavelmente será indiciado, tendo sua prisão preventiva representada", concluiu.

Postar um comentário

0 Comentários