SP aplicou cerca de 4 milhões de doses da Coronavac de lote suspenso

 


A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo afirmou, em nota, que 4 milhões de doses de um lote da Coronavac suspenso pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já foram aplicadas na população.

Neste sábado (4), a agência suspendeu a distribuição e o uso de mais de 12 milhões de doses da Coronavac que foram envasadas em fábrica não inspecionada pela agência. Todas as doses já tinham sido encaminhadas ao Programa Nacional de Imunizações (PNI).

CNN apurou que ao menos oito estados, sendo eles Minas Gerais, Santa Catarina, Rondônia, Acre, Amapá, Rio de Janeiro e São Paulo, já tinham recebido os lotes antes do problema ser reportado.

O diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres, disse que caso as vacinas já tenham sido utilizadas, as pessoas que a receberam devem ser monitoradas. O governo de São Paulo destacou que toda a rede de saúde já está orientada sobre a importância deste acompanhamento e que vai aguardar o parecer das autoridades sanitárias para saber como proceder com mais de 1 milhão de doses da Coronavac, deste mesmo lote, que foram entregues ao estado na última semana.

A Anvisa destacou que o caso não deve causar alarmismo já que todas as vacinas foram testadas e são seguras.

Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários