Manifestantes lotam a Avenida Getúlio Vargas em apoio ao presidente Bolsonaro

 


Este 7 de setembro, Dia da Independência do Brasil, está sendo marcado em todo o país por atos de partidos e movimentos de direita e esquerda, tanto contra como a favor do presidente Jair Bolsonaro.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Em Feira de Santana, diversos grupos estão se manifestando pelas principais avenidas da cidade, e apoiadores do presidente lotaram a Avenida Getúlio Vargas caminhando, usando carros, motos, vestidos com a camisa do Brasil e levantando cartazes e bandeiras. 

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

O manifestante Rodrigo Alves disse que o ato pró- Bolsonaro busca chamar atenção para a liberdade e a livre expressão. Para ele, o maior objetivo é o retorno do amor à pátria e o cuidado com o Brasil.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Hoje a gente não está aqui por determinado partido ou bandeira. Estamos relembrando a Independência do Brasil, que é um movimento muito importante que não pode deixar de ser lembrado. O Brasil precisa do direito de se manifestar, outros partidos da esquerda estão também fazendo a sua manifestação. Estamos aqui em uma manifestação pacífica e nos preocupamos em solicitar o apoio da polícia para que esses dois grupos não se encontrassem. Temos uma bandeira que precisa ser cuidada. Há pessoas passando por necessidades e nós queremos um Brasil justo”, declarou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

O ex-sindicalista Jackson Crispim Ramos também estava presente no ato apoiando o presidente Jair Bolsonaro. Ele contou que foi de esquerda durante quase nove anos e agora defende os ideais de direita, como a família tradicional.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

“Sou a favor da família, da educação, do Brasil e eu quero um Brasil melhor para meus netos, meus bisnetos e para a família brasileira. Destruíram o Brasil e estamos tentando colocá-lo para frente e é isso que o governo Bolsonaro propõe. Diferente do governo de Lula, que destruiu a família, a religião, comentou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Para o comerciante Gervásio Gonçalves, o ato dos manifestantes de direita neste 7 de setembro busca mostrar também que a Bahia precisa de mudança.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

“A esquerda na Bahia vai completar 16 anos de gestão, e a Bahia continua ocupando como sempre as últimas vagas na educação, na saúde, segurança pública e área social. A Bahia bate recorde no desemprego e demonstra que a situação não está boa e a cada dia que passa continua o degradamento, o desmoronamento de tudo que é obra ou projeto do governo, como a obra da Lagoa Grande, que tem 16 anos e não conclui. A Bahia precisa de uma mudança radical, alguém comprometido com o povo e alinhado ao governo federal para que faça uma recuperação do nosso estado que é gigantesco e apresenta problemas”, acrescentou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Na opinião do manifestante, os patriotas baianos só votarão em alguém que esteja alinhado com o presidente Jair Bolsonaro, que defenda a família, a pátria e esteja pronto para lutar pelo seu povo.

Fotos: Ed Santos/Acorda Cidade

Fotos: Paulo José/Acorda Cidade

 

Fonte: Acorda Cidade

Postar um comentário

0 Comentários