Messi acerta com PSG, diz jornal francês

 

Segundo o L'Équipe, jogador argentino é esperado nesta terça-feira (10) em Paris para fazer exames médicos e assinar um contrato de dois anos


Os jornais franceses L'Equipe e Le Parisien cravaram nesta terça-feira (10) a chegada de Lionel Messi ao Paris Saint-Germain.

Segundo o L'Équipe, Messi, que deixou o Barcelona, é esperado hoje em Paris para fazer exames médicos e assinar um contrato de dois anos. 

L'Equipe e Le Parisien acrescentam que o argentino deve chegar a Paris na tarde desta terça-feira (10).

Uma coletiva de imprensa está sendo preparada para esta quarta (11) no Parque dos Príncipes, o estádio em que o clube manda seus jogos.

Enquanto isso, pelo terceiro dia seguido, dezenas de torcedores do PSG seguem no Aeroporto de Le Bourget, nas proximidades de Paris, para recepcionar Messi.

Fotos de Messi

Despedida em lágrimas 

A mudança de Messi para Paris põe fim à sua passagem histórica de mais de 20 anos no Barcelona, da Espanha.

O argentino, considerado um dos melhores jogadores de todos os tempos, não conseguiu fechar novo contrato com o time espanhol.

O Barcelona disse que a péssima situação financeira do clube e os regulamentos de Fair Play Financeiro (FFP) da La Liga impediram o clube de dar a Messi um novo contrato, apesar de ambas as partes terem chegado a um acordo.

O contrato anterior do jogador de 34 anos, que expirou no final de junho, foi divulgado pelo jornal espanhol El Mundo no valor de US$ 672 milhões e o tornou o atleta mais bem pago da história do esporte.

Messi havia expressado seu desejo de deixar o clube catalão no ano passado, mas decidiu ficar porque não tinha intenção de contestar a decisão do clube em tribunal e arrastar uma disputa judicial.

Em uma coletiva de imprensa em meio a lágrimas no domingo (8), o artilheiro de todos os tempos do clube refletiu sobre sua carreira no Barcelona, onde ganhou vários prêmios coletivos e individuais importantes, incluindo quatro títulos da Liga dos Campeões e 10 títulos da La Liga.

"Dei tudo de mim por este clube, por esta camisa, desde o primeiro dia em que cheguei até o último", disse ele.

"E a verdade é que estou mais do que satisfeito. Gostaria de me despedir de uma forma diferente. Nunca imaginei a minha despedida assim."


Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários