Feira de Santana está pronta para enfrentar uma possível '3ª onda da covid-19', garante Colbert Martins

 


A autorização dos eventos com até 500 pessoas e a possibilidade de chegada da variante Delta têm deixado muitos feirenses preocupados com a situação da covid-19, no município. Mesmo com o avanço da vacinação e a queda dos números de internamentos em leitos clínicos e UTIs, a preocupação de que haja um retrocesso traz muito receio e alguns questionamentos das pessoas.

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins da Silva, comentou sobre estes assuntos em entrevista ao Acorda Cidade na manhã de hoje (13) e declarou que se houver uma ‘3ª onda da covid-19’, o município está preparado para enfrentá-la.

De acordo com ele, alguns leitos de UTI e clínicos foram desativados, mas podem voltar à atividade a qualquer momento que seja necessário. Ele lembrou a situação do ano passado, quando em agosto os números de pacientes internados caíram e, no mês de novembro, voltaram a subir, sendo registrados mais casos da doença. O município voltou a ativar leitos que estavam inativos.

“Todos nós estamos atentos. O que já aconteceu na Itália, na França, no Reino Unido, o que já aconteceu na Índia, na China, na Rússia, foram repiques e esses repiques podem acontecer. Estamos sim nos preparando para se houver necessidade reativar tudo o que for preciso do ponto de vista de segurança e internação das pessoas. Essas oscilações já ocorreram e, se acontecerem de novo, estamos prontos para enfrentar a situação”, concluiu.

Postar um comentário

0 Comentários