Atlético-MG vence Palmeiras em casa e amplia vantagem na liderança do Brasileiro

 Atlético-MG venceu o Palmeiras neste sábado (14)Atlético-MG venceu o Palmeiras neste sábado (14) com dois gols de Savarino. Foto: Fernando Michel/Agência O Dia/Estadão Conteúdo


CNN Brasil - Atlético-MG segue imparável no Campeonato Brasileiro. O Galo venceu o Palmeiras na noite deste sábado (14), no Mineirão, por 2 a 0, e se isolou ainda mais na liderança do Brasileirão, ao conquistar sua nona vitória consecutiva na competição e aumentar sua histórica sequência de triunfos.

Veja como ficou a tabela do Campeonato Brasileiro após os jogos deste sábado

Com o resultado, válido pela 16ª rodada da competição, o alvinegro mineiro chegou aos 37 pontos e abriu cinco de vantagem para o Verdão, que tem 32 depois das derrotas seguidas para o Fortaleza e o Galo.

Na próxima rodada, o Atlético-MG viaja até o Rio de Janeiro para encarar o Fluminense, na próxima segunda-feira (23). Já o Palmeiras tenta quebrar o jejum de vitórias contra o Cuiabá, em casa, no próximo domingo (22).

Primeiro tempo de cartões vermelhos

Os dois times têm na próxima semana jogos decisivos pelas quartas de final da Libertadores. Apesar disso, o Galo foi a campo com força máxima, sem poupar seus titulares para o duelo contra o River Plate na próxima quarta-feira (18); já o Palmeiras entrou com um time misto, com nomes como Dudu, Raphael Veiga e Rony no banco.

Jogando em casa, na primeira etapa, o Galo teve mais posse de bola e pressionou o Verdão, apesar de não levar muito risco à meta alviverde.

Aos 34 minutos do primeiro tempo, Patrick de Paula escorregou, acertou o meia Jair e o árbitro marcou falta. O atleta alviverde, que já tinha um cartão amarelo, recebeu o segundo e acabou expulso.

Revoltado com a decisão da arbitragem, o técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, reclamou e também acabou expulso. Na saída para o intervalo, outro membro da comissão técnica, o auxiliar João Martins, também foi expulso por reclamação.

Arana e Savarino brilham

Após a expulsão, o Galo seguiu em busca do gol e conseguiu abrir o placar no final do primeiro tempo, com Savarino, aos 48 minutos, após cruzamento de Guilherme Arana.

Na volta para o segundo tempo, o Palmeiras colocou em campo Danilo Barbosa no lugar de Gustavo Scarpa, Rony na vaga de Gabriel Veron, Zé Rafael no lugar de Wesley e Luan na vaga de Willian.

Apesar das trocas, o alviverde não conseguiu criar risco ao gol do Galo e, aos 17 minutos da segunda etapa, acabou sofrendo o segundo gol, mais uma vez marcado por Savarino servido por Arana.

Com um a menos em campo e dois gols de desvantagem, o Palmeiras pouco criou e o Atlético-MG administrou o resultado, para garantir a vitória num jogo importante na luta pela liderança do Campeonato Brasileiro.

Postar um comentário

0 Comentários