Munícipio esclarece sobre vídeo atribuído ao Hospital da Mulher de Feira de Santana

 

Hospital da Mulher é monitorado por 92 câmeras nas áreas interna e externa

É FAKE NEWS um vídeo que circula nas redes sociais exibindo cenas de um ‘suposto paciente’ do Hospital Inácia Pinto dos Santos (HIPS), o Hospital da Mulher, agredindo fisicamente um profissional de saúde.


A Fundação Hospitalar de Feira de Santana esclarece que as imagens que circulam em grupos de WhatsApp divergem das características estruturais da unidade hospitalar em Feira de Santana, como o piso de alta resistência, a cor verde dos bate-macas e o fardamento utilizado pelos profissionais de saude.

Ainda, segundo Gilberte Lucas, diretora-presidente da FHFS, o Hospital da Mulher é monitorado por 92 câmeras nas áreas interna e externa, além de catracas eletrônicas e vigilância 24 horas que reforçam a segurança no local do equipamento público.



Postar um comentário

0 Comentários