Morte de peixes na lagoa do Geladinho é causada por queda na temperatura

 

Baixa temperatura compromete o ambiente aquático

A queda na temperatura da água em lagoas, rios e outros mananciais é a principal causa da morte de peixes em Feira de Santana. Nos últimos 15 dias, foram atingidos peixes da espécie Tilápia, na Lagoa do Geladinho, no Parque Radialista Erivaldo Cerqueira.

"Vão morrer peixes em lagoas não só aqui em Feira, mas em vários lugares da Bahia. Os peixes podem sofrer fatores bióticos e abióticos - que vem de fora para dentro do manancial", explica o chefe do Departamento de Educação Ambiental, João Dias.

Segundo ele, diferente dos seres humanos e as plantas que produzem mecanismos no organismo que geram calor, os peixes são equitotérmicos.

“Principalmente os peixes de espécies exógenas, que são de outros países, não estão acostumados com a temperatura de nossos mananciais”.

João Dias informa que a Lagoa do Geladinho está com temperatura de 23 graus. “Essa é a razão da morte constante de peixes.  Quando a temperatura voltar ao normal, a morte de peixes diminui ou até deixa de existir”.



Postar um comentário

0 Comentários