Vacinação dos profissionais de imprensa tem movimento tranquilo neste sábado

 

Critério foi flexibilizado e pessoas mais jovens puderam ser vacinadas

A primeira dose da vacina contra Covid-19 foi aplicada em profissionais de imprensa de Feira de Santana neste sábado, 5, na UniFTC. Inicialmente planejada para profissionais a partir de 40 anos, o critério foi flexibilizado e pessoas mais jovens puderam ser vacinadas - isso por conta da baixa demanda.
 
O movimento foi considerado tranquilo pelo secretário de Comunicação, Edson Felloni Borges. Ele associa a baixa procura destes profissionais ao avanço da vacinação da população por idade, onde muitos foram incluídos, assim como grupos de comorbidades e trabalhadores da Educação - aos que são docentes.
 
"A categoria reivindicou o direito à vacinação por meio do sindicato, devido os riscos de exposição que a profissão impõe. Então o pedido foi acatado pela Secretaria de Saúde, e a movimentação tem sido tranquila", explica o secretário, que acompanhou a vacinação.
 
O jornalista Jorge Biancchi foi um dos primeiros a receber a vacina. Ele reforça que apesar de vacinado, não vai deixar de manter os cuidados.
 
“É uma sensação de tranquilidade saber que agora estamos vacinados. Claro que não pode relaxar com os cuidados, tem muita gente fazendo isso ao tomar a vacina. Mas é importante se cuidar e aguardar para receber a segunda dose”, destacou. 
 
O plantão de vacinação também ocorreu na Unidade Básica de Saúde do Caseb I, das 8h às 12h, mas somente com aplicação da segunda dose aos que estavam no período indicado.


Postar um comentário

0 Comentários