Ministro Ricardo Salles entrega telefone celular à Polícia Federal

 

Defesa do ministro entregou o aparelho à PF como parte do inquérito que apura crimes contra a administração pública


O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, entregou seu telefone celular à Polícia Federal (PF) nesta segunda-feira (7). As informações são da analista de política da CNN Renata Agostini.

A defesa de Salles entregou o celular do ministro à Superintendência da Polícia Federal, no Distrito Federal, como parte do inquérito que apura crimes contra a administração pública praticados por agentes públicos e empresários do ramo madeireiro.

Na Operação Akuanduba, deflagrada em 19 de maio, o ministro foi alvo de busca e apreensão. Agentes da PF fizeram buscas no Ministério do Meio Ambiente e em endereços ligados a Salles, mas o celular do ministro não foi encontrado na ocasião.

A operação contra Salles foi autorizada pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal). Na semana passada, a ministra da Corte Cármen Lúcia atendeu a um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) e autorizou a abertura de outro inquérito para investigar Salles.

O pedido da PGR foi feito no dia 31 de maio e tem como base a notícia-crime apresentada em abril contra o ministro por suposta atuação para atrapalhar a apuração da maior apreensão de madeira do Brasil, feita na Operação Handroanthus.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles
O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, durante audiência pública
Foto: José Cruz - 27.nov.2019 / Agência Brasil

Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários