Procura por exame de diagnóstico da Covid-19 cai em Feira de Santana

 

Secretário de Saúde associa redução ao avanço da vacinação

A procura pela realização do exame RT-PCR, que possibilita o diagnóstico da Covid-19, caiu de 6.652 em março, para 6.415 em abril. Somente este ano foram 23.720 exames realizados. O secretário de Saúde, Marcelo Britto, atribui a redução ao avanço da vacinação contra a doença.

 

“À medida que a vacinação avança, reduz as chances dessa parcela da população, que recebeu as duas doses, ficarem doentes, afetando na redução da realização do exame. Estamos ansiosos para imunizar toda a população, só assim ficaremos seguros”, explica o secretário de Saúde.

As pessoas que apresentarem sintomas gripais ou da Covid-19 devem se dirigir à uma unidade de saúde, onde será avaliada. Casos de falta de ar ou sintomas mais graves podem ser atendidos nas policlínicas ou Unidades de Pronto Atendimento. O período dos primeiros sintomas é o que determina se será feito o exame PCR ou teste rápido.

Em Feira de Santana são 7 policlínicas, 2 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), drive-thru na sede da Secretaria de Saúde, Unidade Básica de Saúde (UBS) do Centro Social Urbano (CSU) e as Unidades de Saúde da Família Rua Nova I e II, Barroquinha, Corredor dos Araçás e Liberdade I, II e III que realizam o exame PCR – um total de 15 unidades.

“Caso o paciente vá a uma unidade em que não é realizado o PCR, ele será monitorado e agendado para o Drive-thru da Secretaria Municipal de Saúde. É um exame delicado e deve ser feito da maneira mais segura possível para o paciente e o profissional”, acrescentou. 

O exame é feito com amostras de secreções respiratórias retiradas do nariz ou garganta por swab – espécie de bastonete gigante. A coleta é feita por profissionais da Saúde. Todos eles com os equipamentos de proteção individual para evitar contaminação.

O PCR comprova a infecção nos dias iniciais. Os critérios para a notificação são determinados pelo Ministério da Saúde, através do relato de sintomas que o paciente apresenta. Todas as orientações para isolamento domiciliar, cuidados respiratórios e entre outros são prestadas nas unidades.

Postar um comentário

0 Comentários