É baixo o estoque do Banco de Leite Humano

 

Quantidade de leite materno distribuído está maior do que a coleta

Com uma média diária de 25 bebês prematuros internados na Unidade de Neonatologia, o Banco de Leite do Hospital Inácia Pinto dos Santos (Hospital da Mulher) se esforça para atender essa demanda. É que o estoque do alimento está abaixo do necessário. Por causa da pandemia, a coleta diminuiu. O principal desafio tem sido conscientizar as mães doadoras.

 

De acordo com a coordenadora do Banco de Leite, Nadja Vieira, a quantidade de leite materno distribuído está sendo maior do que a coleta. O cálculo é feito de acordo com a demanda média dos recém-nascidos que recebem leite no hospital.

“Hoje temos 165 litros disponíveis, sendo que para manter os estoques estáveis deveríamos dispor de no mínimo 200 litros”, afirma a enfermeira que reforça o apelo: “Neste mês coletamos cerca de 40 litros de leite materno, mas foram distribuídos quase 58 litros”.

Apesar da redução nos estoques, a equipe do BLH do Hospital da Mulher percebeu uma maior confiança das mães no processo de doação, uma vez que o número de doadoras ativas se manteve estável. São em média 55 doadoras.

“Tivemos uma perda menor de mães doadoras devido ao acolhimento que é feito a elas e as orientações que são passadas pelo Banco de Leite, desde a importância da coleta adequada, o uso de toucas e máscaras no momento da ordenha e o local apropriado para retirar e armazenar”, avalia Nadja. “Mesmo assim, é necessário a ajuda de mais pessoas para atingirmos nossa meta mensal”.

Toda mulher saudável e em período de amamentação pode ser doadora de leite materno, independentemente da idade da criança. Quem quiser doar deve ligar para o telefone (75) 3602-7156 ou 3602-7182.



Postar um comentário

0 Comentários