Dois veículos colidem em cruzamento no bairro Kalilândia em Feira de Santana

 


Um acidente foi registrado no início da tarde desta sexta-feira (7) no cruzamento entre as ruas Visconde de Cairú e Equador, bairro Kalilândia em Feira de Santana.

Em entrevista ao Acorda Cidade, Gustavo Matos, amigo do proprietário da Hilux SW4 de placa policial PZF-8G65, envolvida no acidente, explicou que o motorista do outro veículo, uma Pajero de cor prata de placa policial OUI-6633, não respeitou a placa de "Pare" e em alta velocidade, atingiu a lateral da SW4.

"Esse veículo [Hilux] vinha nessa Rua Equador, quando foi surpreendido pela Pajero que vinha da Visconde de Cairú e assim que bateu na lateral, o carro rodou no ar, veio parar aqui nessa esquina. Foi um momento de nervosismo porque não se espera uma velocidade como aquela, ainda mais nessa localidade, um cruzamento com a placa "Pare" e com a outra placa "Cruzamento Perigoso". Graças a Deus, ele não teve nada, mas é preciso que se tome providências nessa região, pelo menos colocar quebra-molas, buscar conscientizar as pessoas, porque não é a primeira vez que isso acontece. Eu estava conversando com o vizinho ali, ele disse que já teve a casa invadida há dois meses e já consertou o muro três vezes em um único ano por conta desse cruzamento", lamentou.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Ainda de acordo com Gustavo, não há nenhum tipo de erro de sinalização, o que falta é a consciência dos motoristas que trafegam na região.

"Estamos vendo aqui que não há nenhum tipo de erro nas sinalizações, está tudo bem sinalizado, porém as pessoas parecem que só vão aprender com a multa ou se colocarem quebra-molas, e inclusive, eu acho até desnecessário nesse cruzamento colocar sinaleiras, porque o que falta mesmo é a responsabilidade das pessoas que trafegam por aqui", disse

Segundo Gustavo Matos, o veículo SW4 é blindado, o que ajudou o motorista não sofrer tanto impacto com o acidente.

"O carro dele rodou no ar e só foi parar ali na esquina, no momento ele ficou um pouco atordoado, mas graças a Deus, ele estava com o cinto e a sorte do carro ser blindado, porque quando bateu na porta, não atingiu tanto ele, mas se fosse outro carro, poderia ter acontecido um óbito aqui, porque da forma que aconteceu, na velocidade que o outro carro vinha, seria uma tragédia, mas garças a Deus, conseguimos tirar ele de dentro do carro e aparentemente não teve nada", informou ao Acorda Cidade.

O outro veículo foi removido por um guincho particular e encaminhado para uma oficina. De acordo com Gustavo, o seguro será acionado para que todos os trâmites sejam realizados. Não há informações sobre o estado de saúde do motorista.

"Tiramos algumas fotos aqui do local, o outro veículo já foi removido por um guincho sendo levado para uma oficina e agora vamos acionar o seguro do carro para ver quais serão os próximos trâmites legais da situação", concluiu.

Fotos: Aldo Matos/Acorda Cidade

Fonte: Acorda Cidade

Postar um comentário

0 Comentários