Procura por máscaras cirúrgicas e álcool em gel segue em alta nas farmácias

 

Comportamento está associado aos cuidados preventivos

Após um ano de pandemia, a máscara continua sendo um item de segurança indispensável no combate à Covid-19. Em alguns estabelecimentos visitados, a procura pela máscara cirúrgica e o álcool em gel continua em alta.

  

O comportamento pode ser associado aos cuidados da população em prevenção à doença. Segundo a gerente da Farmácia Nordeste, Jamily Cristina, a procura pelas máscaras descartáveis aumentou desde novembro.

“Muitas pessoas estão optando por esse tipo de máscara devido ao custo benefício, além da eficácia comprovada. Elas conseguem filtrar partículas menores que outros tecidos”, explica.

Além do uso da máscara, outras medidas de proteção são indispensáveis, como a limpeza frequente das mãos, uso do álcool em gel 70% e o distanciamento social.

“A gente constatou um aumento de 20% na procura pelo álcool em gel e das máscaras três vezes mais”, destaca gerente da Farmácia do Trabalhador do Nordeste, Elder Pita Costa.

Já na Farmácia do Caroá, a procura pela máscara continua em alta. Mas, não houve mudanças significativa pelo álcool em gel. “No começo da pandemia as pessoas procuraram as máscaras descartáveis e após um tempo houve queda com a oferta das de tecido”, observou a atendente Luane Amorim.



Postar um comentário

0 Comentários