Em formato 'Drive-Thru', profissionais da segurança pública são vacinados em Feira de Santana

 


Na manhã desta quinta-feira (1º), policiais militares e civis, guardas municipais, bombeiros e agentes de trânsito receberam a primeira dose da vacina contra o coronavírus, em formato 'drive-thru' no Primeiro Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação ( 1º Beic) em Feira de Santana.

Em entrevista ao Acorda Cidade, o comandante do Comando de Policiamento Regional Leste (CPRL), coronel Nilton Paixão, informou que o momento é de grande satisfação e alegria, em ver os policiais sendo vacinados.

"Hoje realmente é um dia de grande satisfação e alegria por estarmos aqui nesse momento vacinando nossos policias militares que estão na linha de frente no combate a pandemia, fazendo com que seja cumprido o decreto estadual. A princípio, toda região leste está sendo vacinada, aqueles profissionais que possuem a idade superior a 50 anos. Ainda não tenho o número exato, mas, posteriormente estaremos comunicando e assim que o governo estadual autorizar, outras faixas etárias, também serão vacinadas", disse.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

A organização da vacinação ocorreu de forma 'drive-thru', para que não haja a necessidade dos servidores descerem dos veículos. Para o comandante, a ideia foi aplicada para promover a segurança de todos.

"Aqui não se tem apenas a Polícia Militar, temos também a Polícia Civil, Guardas Municipais, agentes de trânsito e bombeiros militares, então foi uma ideia adotada para promover a segurança de todos", explicou.

Acompanhando a vacinação dos agentes de trânsito, o Superintendente Municipal de Trânsito (SMT), Cleudson Almeida, informou a reportagem do Acorda Cidade que o processo de imunização tranquiliza o trabalho dos profissionais, principalmente os agentes de operação, dando continuidade aos serviços prestados à comunidade.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

"Os agentes que estão hoje aqui, são profissionais que já estão na faixa etária estabelecida pelos órgãos de saúde. Esperamos em Deus que tudo possa correr bem e a partir da segunda dose, que possam estar fora de qualquer tipo de contaminação, até porque isso ajuda no serviço e tranquiliza este profissional, principalmente os agentes de operação, dando continuidade aos serviços prestados à comunidade. Ao todo, foram 18 agentes que já possuem a idade acima de 50 anos, eu ainda não faço parte desse quadro, mas espero em breve, fazer parte do grupo de vacinação", concluiu.

O subtenente Pedro Gomes foi o primeiro servidor a ser vacinado, representando o 2º Grupamento de Bombeiros Militar (GBM). De acordo com ele, este é um primeiro passo para que outros colegas também sejam vacinados.

Foto: Arquivo Pessoal

"Isso é motivo de grande honra, abrir o caminho para que todos os colegas sejam vacinados e possamos superar este momento de grande dificuldade que vive a população mundial", disse.

Fotos: Ed Santos/Acorda Cidade


Fonte: Acorda Cidade

Postar um comentário

0 Comentários