Dois adolescentes morrem no HGCA após confronto com policiais da Rondesp Leste

 


Acorda Cidade - João Pedro Souza Rezende, de 15 anos, e Marcos Vinícius dos Santos Silva, de 17 anos, morreram por volta das 6h50 da manhã desta terça-feira (16), no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), após trocarem tiros com policiais da Rondesp Leste no final da Travessa Rondônia, bairro Queimadinha.

Segundo a polícia, uma denúncia anônima informou que um ônibus interestadual vinha trazendo armas e drogas para o bairro Queimadinha. A guarnição deslocou-se para o município de Santo Estevão, no intuito de encontrar o ônibus, mas ele não foi localizado, e os policiais então retornaram para o bairro Queimadinha, em Feira de Santana.

No bairro, avistaram homens armados, que efetuaram tiros. Houve o confronto, e João Pedro e Marcos Vinícius foram alvejados e socorridos para o HGCA, onde não resistiram.

Eles foram reconhecidos e identificados por familiares no Departamento de Polícia Técnica (DPT). Em poder dos adolescentes, a polícia apreendeu um revólver calibre 32 com três munições deflagradas, um revólver calibre 38 também com três munições deflagradas, duas balanças de precisão, uma capa de colete, além de outros objetos.

Os outros homens que estavam com eles conseguiram fugir. O delegado Luis Smyslov efetuou os levantamentos cadavéricos no HGCA.

Postar um comentário

0 Comentários