Cerca de 30 toneladas de amido de milho são apreendidas pela Decarga no CIS, em Feira de Santana

 


Investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga), recuperou na manhã desta quarta-feira (10), 1.100 sacos de amido de milho, pesando cerca de 30 toneladas, avaliados em R$ 80 mil, que seriam destinados à uma panificadora do centro da cidade.

De acordo com o delegado Gustavo Coutinho, titular da Decarga, a mercadoria foi adquirida através de um golpe contra uma empresa do estado do Paraná e teria sido descarregada em um galpão na região do CIS em Feira de Santana.

"Recebemos a informação que uma carga de 30 toneladas de amido de milho estaria aqui na cidade de Feira de Santana e seria descarregado ali na região do CIS. Nossa equipe prontamente foi pra rua, conseguiu fazer a vistoria nos locais e conseguimos encontrar a carga. O estelionatário já foi identificado e a Decarga instaurou um inquérito policial para apuração dos fatos. A investigação já identificou que o criminoso é insistente nos crimes de falsificação e estelionato, agindo em diversos estados e o mesmo utilizava uma empresa fantasma para aquisição da mercadoria", informou o delegado ao Acorda Cidade.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Segundo o delegado, o proprietário da panificadora ainda não tinha feito o pagamento da mercadoria, o mesmo foi ouvido na delegacia e liberado.

"Esse estelionatário conseguiu primeiro aplicar o golpe nessa empresa que trouxe a mercadoria aqui para Feira de Santana e posteriormente ele fez o processo de "esquentar a nota" e revendeu para esse proprietário da panificadora. Por sorte ele ainda não tinha feito o pagamento da mercadoria, iria comprar de boa fé, não sabia do que estava acontecendo, mas a Decarga conseguiu chegar antes, a tempo de interromper essa transação", disse ao Acorda Cidade.

Todo material apreendido foi avaliado em R$ 80 mil e devolvido ao representante da empresa fornecedora do amido de milho.
 

Fonte: Acorda Cidade

Postar um comentário

0 Comentários