Governo avalia elevar IPIs para compensar redução do PIS/Cofins sobre diesel

 


CNN Brasil - A equipe econômica já tem sobre a mesa uma das medidas a serem tomadas para compensar a possível redução do PIS/Cofins sobre o óleo diesel prometida pelo presidente Jair Bolsonaro aos caminhoneiros para tentar conter o movimento grevista da categoria.

Segundo apurou a CNN com fontes graduadas do Ministério da Economia, uma das medidas para compensar a perda de arrecadação com o PIS/Cofins seria levar a alíquota do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) de carros de luxo e do setor petroquímico.

Os estudos têm sido coordenados pela Receita Federal. Segundo auxiliares, o ministro Paulo Guedes gostou da ideia e aguarda a conclusão dos cálculos pelo fisco antes de bater o martelo e levar a ideia ao presidente da República, que terá a palavra final.

Integrantes da ala política do governo defendem que o anúncio ocorra o mais rápido possível, para tentar evitar a paralisação marcada pelos caminhoneiros para a próxima segunda-feira (1º), dia da eleição para as presidências da Câmara e do Senado.

Como antecipou a CNN na manhã de quarta-feira (27), Bolsonaro autorizou a equipe econômica a estudar como reduzir o PIS/Cofins sobre o diesel. A medida seria um aceno aos caminhoneiros para compensar a alta de cerca de nove centavos no preço do combustível na bomba.

Postar um comentário

0 Comentários