Mudanças e adoção de novos hábitos ajudam prevenir da Covid-19

 


Alguns hábitos e comportamentos, realizados no ‘automático’ devem ser observados e devidamente evitados. Abrir portas, buscar apoio no corrimão de uma escada rolante ou se agarrar nas barras dos ônibus.

O problema é que dezenas, centenas de mãos tocam o mesmo local, todos os dias. Em um destes, a pessoa pode estar com a infecção no organismo e não saber. Como se sabe, o vírus sobrevive durante horas nestas superfícies.

A mudança e adoção de novos hábitos previnem da Covid-19, como levar papel toalha no bolso ou na bolsa, evitar o contato direto da mão com a maçaneta e tentar se equilibrar nos degraus da escada rolante para não tocar no corrimão.

Não da para andar de ônibus em pé sem segurar nas barras. Neste caso, a necessidade exige que o passageiro leve, no bolso ou na bolsa, um frasquinho com álcool em gel para higienizar as mãos imediatamente após desembarcar do veículo.

Durante o período em que estiver na rua ou dentro de um veículo de transporte de massa a pessoa não deve colocar a mão na boca ou tocar nariz e olhos, que são portas de entrada para este e outros vírus. Tirar o corpo do automático.

A adoção de hábitos simples no dia a dia ajuda a prevenir a infecção, visto que a vacina ainda demandará tempo para ser oferecida à população. Álcool em gel, máscara, distanciamento é a combinação perfeita para não pegar a Covid-19.


Postar um comentário

0 Comentários