Beco da Energia contemplado com projeto Novo Centro

 


O projeto Novo Centro, voltado para a requalificação do centro comercial de Feira de Santana, será estendido também ao Beco da Energia, local emblemático e palco de diversas manifestações culturais. As intervenções, voltadas para revitalização do espaço, foram discutidas pelo Governo Municipal com moradores e pessoas que trabalham ou frequentam o lugar, relatando suas expectativas e necessidades.

Durante a reunião, os secretários de Planejamento, Carlos Brito, e de Cultura, Esporte e Lazer, Jairo Carneiro Filho, reafirmaram o compromisso e disposição do Governo Municipal em contemplar este local com moderna infraestrutura, seguindo o mesmo padrão de outras ruas e avenidas do Centro da cidade, mas respeitando suas peculiaridades e inclusive revitalizando o Beco enquanto local de manifestações culturais.

Uma das ações a serem iniciadas o mais breve possível será a revitalização dos painéis feitos por grafiteiros, iniciativa que resultou na valorização e projeção destes profissionais, inclusive abrindo espaço para eles em museus da cidade.

As intervenções foram discutidas com as presenças da representante dos moradores e dona de um dos cinco bares e similares que ainda funcionam no local, Escolástica Assis Santos (Bar Cláudia); o jornalista Jânio Rego, defensor da requalificação do local; e a representante do coletivo cultural, Kareen Galeano Mendes.

Elas entregaram aos representantes do Governo Municipal algumas sugestões de intervenções, como modernização da iluminação pública, utilizando lâmpadas de LED, nova pavimentação e revitalização das pinturas em grafite nos muros, além de mais apoio para as manifestações culturais.

O secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Jairo Carneiro Filho, reafirmou o compromisso do Governo em revitalizar esta artéria e reconheceu a importância das manifestações culturais que são realizadas no local, a exemplo de “O Beco é nosso”, afirmando que a administração pública tem interesse em atender as reivindicações.


Foto: Izinaldo Barreto

Postar um comentário

0 Comentários