Hospital da Mulher tem maior número de partos no Estado


O Hospital Inácia Pinto dos Santos, mais conhecido como Hospital da Mulher é destaque em todo estado com o primeiro lugar em antendimento no ano passado. Uma série histórica de internações e partos normais/cesárias, com 7.971 atendimentos, entre todos os estabelecimentos da rede pública da Bahia.

Esses números coloca o Hospital da Mulher como a Maternidade Referência no atendimento de parto humanizado e com assistência para 80 municípios pactuados. Em 2019 foram realizados 4.383 partos normais e 3.588 partos cesáreos. O destaque vai para o percentual de partos normais, que é de 54,99%, muito acima da média brasileira que é de 53,4%.
O prefeito Colbert Martins Filho, que é médico por formação, comemorou os dados e reafirmou o compromisso com a saúde pública do município. “Podemos ver os avanços nos atendimentos ofertados pelo Hospital da Mulher e os outros equipamentos para a população feirense. Essa é a forma do governo trabalhar. Investindo muito mais na saúde e mostrando as pessoas os avanços na assistência”, disse.
O prefeito lembrou que o Hospital da Mulher exerce uma grande importância para a população de vários municipios do estado. "Esses dados mostram o resultado dos investimentos feitos e que ainda serão, por que vai muito além do reforço no cuidado de gestantes e bebês de alto risco, prematuros extremos, do pré-natal ao parto. Somos um Complexo Materno Infantil referência em parto humanizado e todos os esforços serão feitos para melhorar a cada dia nossa oferta de serviços especializados", ressalta Colbert.
Para a diretora-presidente da Fundação Hospitalar, Gilberte Lucas, a expectativa é de que em 2020 os números sejam maiores. "Com certeza o Complexo Materno Infantil do Hospital Mulher é uma referência. Vem apresentando resultados positivos, dado aos investimentos que fazemos todos os meses. A série histórica apresenta apenas os números referentes a partos, mas também somos referência no BLH - Banco de Leite Humano, Mãe Canguru e Casa da Puerpéra. A expectativa é que esse ano seja maior. De janeiro a maio já foram realizados 1.859 partos normais e 1.550 cesáreos".
Mantido com 75% dos recursos do próprio município, o Hospital da Muçher vem ampliando seus serviços mensalmente, para atender a grande demanda que vem de outros municípios do estado.

Postar um comentário

0 Comentários