Eleições 2020 - 5 dicas sobre propaganda eleitoral


Essa semana fiz um post no meu instagram (se você não me segue ainda, segue logo para não perder conteúdo - @suelyvandal.advogada) com 3 dicas sobre propaganda na pré-campanha e o pessoal gostou bastante, aí resolvi trazer aqui 5 dicas sobre propaganda para o período de campanha, que por sinal, está próximo.

Pois é, 2020 é um ano eleitoral e está deixando as pessoas bem confusas como tudo acontecerá, em razão da pandemia. Para todo modo, devemos estar atentos para que o processo eleitoral transcorra bem.
Pois bem, vamos às dicas:
1) A primeira é sobre o prazo da propaganda. A propaganda eleitoral deve começar em 16 de agosto e terminar na véspera da eleição. Logo, qualquer propaganda fora desse prazo é propaganda eleitoral antecipada ou extemporânea. CUIDADO, isso pode te trazer sérios riscos.
Mas não é somente o prazo delimitado, também existem várias limitações que a legislação impõe para que o período das eleições transcorra de forma pacífica e dentro da normalidade.
E aqui vai a dica 2
2) Não pode usar Outdoor para propaganda eleitoral. Antigamente era permitido. Hoje não mais. Fique atento (a)!
Além disso, o candidato não pode usar vários cartazes pequenos juntos, pois podem causar o efeito outdoor, ou seja, o efeito visual é como se fosse um só painel grande, e a justiça eleitoral já entendeu que isso não é permitido.
3) Não pode pintar muros e cercas como acontecia antigamente.
Propaganda poltica pintada em muro est proibida
Imagem: Site "destaque notícia"
Quem se lembra da poluição visual que tínhamos nas cidades? Muitas vezes ficava de uma eleição para a outra e o próximo candidato pintava por cima com o nome dele. Isso não é mais permitido!
As cidades agradecem!
4) Não pode pendurar placas ou cartazes em árvores ou praças públicas.
Essa era uma prática muito comum há alguns anos, hoje a legislação eleitoral não permite tais práticas. Era comum sairmos nas ruas em épocas eleitorais e as praças estarem cheias de cartazes, placas, pinturas. Quem não se lembra?
A propaganda eleitoral é um meio que o candidato usa para conquistar o eleitor. Porém, muitas dessas propagandas faziam com que o eleitor tomasse raiva do candidato, a depender do tipo de propaganda eleitoral que ele estivesse fazendo. Alguém se lembra qual era a que mais irritava o eleitor?
5) Dica número 5: Isso mesmo, o trio elétrico passando na sua rua de 30 em 30 minutos. Aquele momento em que você, depois de ter trabalhado a manhã toda, quer descansar por alguns minutos após o almoço e o som não parava de tocar o jingle do candidato. Pois bem, não pode mais usar trio elétrico, salvo para sonorização de comícios.
Para tanto, as normas que restringe a propaganda eleitoral em tantos aspectos, é no intuito de baratear as campanhas. Dessa forma, com cada vez mais restrições, os candidatos devem buscar meios de chegar até o eleitor de forma legal e que mostre seus projetos para a administração.
Não é mais tempo de convencer o eleitor com campanhas grandiosas e com gastos vultuosos. Os tempos são outros!
Me conte, você já sabia das dicas acima?
Se o texto contribuiu com seu conhecimento, compartilhe para que mais pessoas possam aprender sobre este assunto tão importante.
Tem mais dúvidas em relação às eleições ou está se preparando para o processo eleitoral?
Veja estes artigos também. Pode te ajudar!
Siga a página para ver todas as publicações clicando aqui.
Também estou no Instagram (clique -@suelyvandal.advogada), lá a interação é maior e mostro um pouco do dia a dia da advocacia. Segue lá!
*Imagens: Site Pixels com edição e destaque notícia

Postar um comentário

0 Comentários