Prefeitura fornece equipamentos para associação produzir máscaras para a comunidade na zona rural


A comunidade de Borda da Mata, no distrito de Humildes, passa a apoiar as ações do Governo Municipal de Feira de Santana, no combate à pandemia do coronavírus Covid-19, produzindo máscaras faciais. A iniciativa está sendo viabilizada pelo prefeito Colbert Martins Filho com a entrega  de equipamentos completos para oficina de costura e artesanato, através do Feira Produtiva.

Para montar a fábrica, o prefeito Colbert Martins Filho assinou cessão de uso dos equipamentos com a associação, fornecendo uma máquina de costura reta industrial, uma máquina de costura galoneira, uma máquina de costura overlock,  uma máquina de bordar, uma máquina de estampar e uma máquina de costura doméstica. De imediato serão contempladas 81 famílias envolvidas direta e indiretamente com produção e distribuição dos produtos.
Colbert Martins Filho ressaltou que a iniciativa atendeu reivindicação do vereador Fabiano da Van, morador do distrito de Humildes. "A princípio vão produzir máscaras, atendendo uma necessidade de prevenção contra o coronavírus", destacou.
O secretário de Desenvolvimento Social (Sedeso), Pablo Roberto Gonçalves,  destacou a importância da iniciativa do Governo Municipal por levar desenvolvido às comunidades carentes, principalmente da zona rural, com geração de trabalho e renda em momento de crise na economia mundial por conta do coronavírus. 
O vereador Fabiano da Van agradeceu ao prefeito e ressaltou a importância da iniciativa por gerar emprego e renda para a comunidade. A mesma opinião do vereador Zé Curuca, também residente no distrito, ao destacar a parceria com o Governo Municipal que vem atendendo as reivindicações dos vereadores do distrito.
Durante a solenidade, na tarde de terça-feira, 06, também estiveram presentes o ex-vereador Wilson Falcão, a coordenadora do Feira Produtiva, Diana Guimarães, e os secretários de Agricultura, Mário Borges, e de Desenvolvimento Social, Pablo Roberto Gonçalves. 

Postar um comentário

0 Comentários