economia

Pirelli reabre produção com capacidade reduzida em Feira de Santana


A Pirelli informou nesta sexta-feira (22) que mais duas de suas fábricas na América do Sul, a de Feira de Santana, Brasil, e a de Merlo, Argentina, retomarão a produção com capacidade produtiva reduzida no dia 22 de maio.

Com isso, todas as fábricas da empresa na região já têm suas produções retomadas. A empresa informou também que, “sempre priorizando a proteção e saúde dos seus funcionários e de toda a comunidade”, dará continuidade a implementação de uma série de medidas para conter a disseminação da Covid-19. Entre as medidas, estão:
• Campanha contínua de conscientização sobre a importância da higiene pessoal;


• Manter distância social em todos os momentos;



• Utilização de EPIs de proteção, conforme os protocolos do Ministério da Saúde e a Organização Mundial da Saúde (OMS). A regra será para todos que circularem dentro das unidades fabris;



• Higienização rígida de todas as dependências da Pirelli;



• Checagem da temperatura corporal na entrada das fábricas;



• Aumento do número de fretados, com limitação da quantidade de passageiros por transporte;



• Limitação do número de pessoas no acesso ao restaurante de forma simultânea e nas mesas durante as refeições, bem como a diminuição do tempo de permanência visando a eliminação de aglomerações.

Tendo em vista a demanda atual de mercado, a capacidade produtiva está dimensionada se comparada aos níveis normais de produção. A Pirelli afirmou que apenas funcionários essenciais para atender este volume de manufatura voltarão às atividades in loco neste momento. Os colaboradores da área administrativa continuarão em regime home office, assim como todos os que pertencem a um grupo de risco.
Por fim, a multinacional informou que continuará a monitorar diariamente a situação da pandemia e poderá anunciar novas medidas caso necessário.

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.