Hospital da Mulher celebra Dia lnternacional de Doação de Leite Humano com mães doadoras


Solidariedade é o que move as mães doadoras do Banco de Leite Humano (BLH) do Hospital Inácia Pinto dos Santos (Hospital da Mulher). Para divulgar a causa, a Prefetura de Feira de Santana, através da Fundação Hospitalar, aproveita o Dia Internacional de Doação de Leite Humano, comemorado em 19 de maio para celebrar a data com roda de conversa com as mães do BLH, orientação psicológica e entrega de  brindes às mães doadoras da Casa da Peuérpera e Método Cangurú.

O prefeito Colbert Martins Filho, médico por formação disse que o momento é tenso por causa da pandemia que assola o país, mas o município segue todos os Protocólos de segurança da Covid-19 e deve lembrar que a doação salva a vida de prematuros.
"O leite materno aumenta a imunidade, diminui o risco de doenças infecciosas e diarreias, atuando ainda no sistema cognitivo. Por isso, as doações são essenciais para manter a oferta aos bebês prematuros da UTI Neonatal e crianças com risco extremo de vida e que lutam pela sobrevivência", afirma Colbert.
O Banco de Leite Humano do HIPS, coletou em 80 mães doadoras, entre o mêses de janeiro a abril desse ano o volume de 295 litros de leite humano. Foram distribuidos 276 litros que beneficiaram 361 crianças. O estoque hoje é de 114 litros de leite.
A bióloga e coordenadora do BLH, Camila da Cruz Martins, disse que a quantidade é insuficiente para atender a demanda de prematuros. "Trabalhamos sempre no limite, a nossa capacidade de coleta se estende a medida que temos a oferta. E com o apoio da presidente da Fundação Hospitalar, Gilberte Lucas, vamos celebrar a data em alusão ao Dia Internacional da Doação de Leite Humano, com as mães doadoras internas para que ao sair daqui possam continuar sendo doadoras e manter prematuros alimentados e salvar vidas".

Postar um comentário

0 Comentários