Colbert ouve pleito de representantes de academias


O prefeito Colbert Martins Filho ouviu o pleito de representantes de academias de Feira de Santana, em seu gabinete na Prefeitura, na tarde desta terça-feira, 28. Os equipamentos estão fechados, juntamente com outros serviços onde costumam ocorrer aglomeração de pessoas, cumprindo o decreto municipal para evitar a disseminação do coronavírus Covid-19 no município.

Sensibilizado com as reivindicações dos representantes das 498 academias instaladas em Feira de Santana e que, juntas, geram empregos para mais de 8 mil profissionais, o prefeito Colbert Martins Filho considerou a possiblidade de realizar uma avaliação da situação, mas sempre em consideração a evolução da disseminação do vírus no município.
Mesmo aberto ao diálogo, o prefeito também observou que a situação, no momento, requer a adoção de medidas preventivas e de total controle para manter a curva de proliferação da pandemia achatada no município e evitar superlotação de hospitais.
Qualquer decisão a respeito das academias somente será anunciada pelo prefeito até o próximo dia 4 de maio, quando expira o prazo do último decreto municipal referente à adoção de medidas de controle da pandemia na cidade.
Estiveram presentes à reunião os representantes das academias Gold Fitness, Shak Fitness, Power Fitness, Word Fitness e Body Work, acompanhados do secretário de Desenvolvimento Social (Sedeso), Pablo Roberto Gonçalves.
O representante do Sindicato das Academias da Bahia e dos profissionais em educação física, Wilson Silva e Brito, conhecido como Toquinho, ressaltou a preocupação da categoria diante da crise provocada pelo coronavírus. Ele destacou a proposta das academias retornarem às atividades com a adoção de algumas medidas restritivas e preventivas, como utilização de álcool gel, higienização de equipamentos, limitação do fluxo de pessoas, utilização de medidores de temperatura humana e evitar participação do público do grupo de risco.

Postar um comentário

0 Comentários