feira de santana

Agência do Bradesco suspende atendimento após funcionário ter suspeita de coronavírus


Acorda Cidade - Quem foi até a agência do banco Bradesco, localizada na Avenida Senhor dos Passos, centro de Feira de Santana, nesta quarta-feira (1º), se deparou com um aviso colado na porta informando a suspensão dos atendimentos, após um funcionário estar com suspeita do novo coronavírus. De acordo com Sandra Freitas, do Sindicato dos Bancários, a agência fechou para realizar a desinfecção e alguns funcionários estão afastados, em quarentena.

“Infelizmente a gente tinha dito deste o início e a gente já está verificando casos suspeitos de coronavírus dentro da categoria. Nossa reivindicação é que todos os funcionários dessa agência estejam em quarentena, o banco está fazendo uma conta sobre o contágio pra saber quem teve contato com a pessoa que está suspeita, mas a gente não concorda e o ideal seria a quarentena para todo o quadro daquela agência”, afirmou.
Sandra Freitas ainda pediu a conscientização da população para que as pessoas não se dirijam para as agências bancárias formando aglomerações em filas, como tem ocorrido nos últimos dias, inclusive com a presença de muitos idosos, que estão inseridos no grupo de risco da covid-19.
“A gente quer continuar pedindo a população que coloque na consciência e não vá para as agências bancárias, as coisas estão surgindo, já tem gente de coronavírus dentro das agências, então se afastem, tomem um maior cuidado. A gente precisa conter essa doença. A gente pede a população que se afaste, que exija que os funcionários usem máscaras e vocês também. A gente pede as agências bancárias que façam isso, mas tem bancos que não quer que os funcionários usem a máscara, porque diz que esteticamente é ruim”, afirmou, acrescentando que os bancos estão colocando o lucro em primeiro lugar.
“Não é momento para isso, é momento da gente se ajudar, se cuidar. O sindicato dos bancários está sempre nessa luta, a gente não tem como ir nas agências, tirar os bancários de lá, mas pede aos gestores que tenham a consciência e façam o seu papel, tem que comunicar a secretaria de saúde qualquer caso suspeito e precisam fazer os procedimentos que são recomendados, que é desinfetar as agências e colocar o quadro de empregados todo de quarentena. É um apelo que nós fazemos. A categoria bancária está apavorada e pedindo socorro. Por favor, secretaria de saúde, senhor prefeito, nos ajudem”, pediu a sindicalista. 

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.