variedades

Prefeitura prorroga campanha Novembro Azul por mais 15 dias


Devido a baixa procura por parte dos homens feirenses aos exames de prevenção do câncer de próstata ofertados nos equipamentos mantidos pela Fundação Hospitalar de Feira de Santana, o prefeito Colbert Martins Filho determinou a prorrogação da campanha Novembro Azul até o dia 15 de dezembro. O objetivo é atender ao maior número possível de homens neste período.

Os atendimentos e exames são realizados no Centro Municipal de Prevenção ao Câncer (CMPC) e no Centro Municipal de Diagnóstico Por Imagem (CMDI). A presidente da Fundação Hospitalar, Gilberte Lucas, observa que um dos aspectos que possam ter contribuído para a baixa procura durante o Novembro Azul é o fato de que os exames são disponibilizados nos equipamentos do município durante todo o ano. "Essa assistência preventiva aos homens é feita o ano inteiro através da marcação da Central de Regulação”, explica Gilbert.
A campanha Novembro Azul tem como objetivo reforçar a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata e incentivar os homens a cuidarem da saúde, estimulando-os a buscar uma vida mais saudável, evitando por exemplo o alcoolismo, o tabagismo, e adotando hábitos que previnem a hipertensão e a obesidade.
Durante todo o mês de novembro, a Fundação Hospitalar realizou mutirões de atendimentos, palestras, aferição de pressão, exame de PSA (antígeno prostático específico), roda de conversa, e orientações gerais para homens no CMPC e CMDI.
O prefeito Colbert Martins Filho, médico por formação, observa que a única forma de garantir a cura do câncer de próstata é o diagnóstico precoce. "É necessário alertar que  mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, devem ir ao urologista. É preciso que procurem o médico para conversar sobre o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos, e sobre o exame de sangue PSA (antígeno prostático específico)".
Ele informa ainda que  cerca de 20% dos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal. "Oferecemos de forma gratuita no CMPC e no CMDI exames que poderão ser solicitados se houver suspeita da doença, como as biópsias, que retiram fragmentos da próstata para análise, guiadas pelo ultrassom”, ressalta Colbert.
O CMPC estará atendendo os homens de segunda à sexta-feira, à partir das 7 horas. O equipamento fica situado na rua Barão do Rio Branco, 621, Centro. Telefone: 3602-7340.

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.