variedades

Motoristas de aplicativo fazem protesto no centro da cidade e cobram regulamentação


Motoristas de aplicativo realizaram um protesto, na tarde deste sábado (14), no centro da cidade de Feira de Santana devido a morte de quatro motoristas ontem (13) em Salvador. Durante o protesto, eles fizeram várias reivindicações cobrando regulamentação e também mudanças dos aplicativos para que deem mais segurança aos motoristas.


O motorista Alisson de Oliveira Silva reivindicou a regulamentação dos aplicativos. Queremos ver a foto do cliente, antecedentes criminais e reconhecimento facial, pois a gente sai de casa para buscar o pão de cada dia e não sabemos nem o destino para qual estamos levando o cliente. Queremos mais segurança. Aconteceu esse episódio e somos solidários. Temos vários grupos unidos para lutar pela melhoria do nosso trabalho”, afirmou.
George Azevedo, que há cerca de um ano é motorista por aplicativo, cobrou uma resposta do poder público com relação aos assassinatos ocorridos em Salvador. “Pais de família foram mortos cruelmente. Fatos de violência acontecem aqui em Feira de Santana também, com muitos assaltos e queremos uma resposta, disse.
O motorista Daniel Pereira também pediu mudanças nas regras do aplicativo. Quando o passageiro recorre ao aplicativo, ele tem toda a assistência, mas quando acontece alguma coisa com os motoristas, ninguém tem nenhuma posição. Estamos trabalhando e queremos nossos direitos, queremos que o aplicativo seja a favor do motorista também, queremos que o aplicativo mostre destino e foto do passageiro e além de tudo, queremos justiça por essas mortes, protestou.
Ênio César da Silva Gomes afirmou que a categoria está unida e também pediu por justiça. Isso aqui é mínimo que a gente pode fazer pelas famílias que hoje estão sofrendo. Como aconteceu com os colegas em Salvador, estamos mostrando para o poder público que estamos unidos. Ainda não vi isso aqui em categoria nenhuma. 
Leia também
Fonte: Acorda Cidade

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.