polícia

27 pessoas foram assassinadas a tiros em Feira de Santana no mês de agosto


Vinte e seis homicídios foram registrados em Feira de Santana em agosto de 2019 – o número é menor que no mesmo período do ano passado. Além dos homicídios, foi registrado um latrocínio (roubo seguido de morte) totalizando 27 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) no mês.


Todas as vítimas eram do sexo masculino, sendo três deles menores de 18 anos, segundo levantamento feito pelo repórter Aldo Matos, do Acorda Cidade. Ainda segundo o levantamento, todas as vítimas foram mortas a tiros.
Em agosto de 2019 também foram registrados cinco mortes em decorrência de ação policial.
O conjunto Feira VII foi o que mais registrou CVLIs no mês. Confira na tabela a seguir:
Avaliação
O delegado Fabrício Linard, titular da Delegacia de Homicídios (DH), destacou a redução não apenas em agosto, como também ao longo do ano.
"Foram 84 vidas preservadas, 84 mortes a menos, no acumulado do ano, o que representa uma redução de quase 30%. Vemos esses resultados como vitoriosos, mas ainda são números alarmantes que nos chamam a reflexão de que temos que trabalhar mais e mais para reduzir ao mínimo possível essas ocorrências", declarou o delegado destacando o trabalho conjunto entre a Polícia Civil e a Polícia Militar por meio de prisões de evolvidos em homicídios.
O comandante do Policiamento Regional Leste (CPRL), Coronel Luziel Andrade, disse ao Acorda Cidade que 19 armas foram apreendidas em Feira de Santana no mês de agosto e que no mesmo mês os PMs realizaram 192 conduções a delegacias da cidade. “São números que mostram o empenho dos policiais”, declarou.

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.