feira de santana

Personalidades com relevantes serviços prestados a cultura feirense serão homenageadas pela Fundação Egberto Costa


A Fundação Municipal de Tecnologia da Informação, Telecomunicações e Cultura Egberto Tavares Costa - FUNTITEC está comemorando seu décimo quarto aniversário, desde o dia 04 deste mês, e um dos maiores objetivos nesta comemoração é valorizar e homenagear personalidades que cresceram junto com os programas da instituição e em contrapartida fizeram a autarquia da Prefeitura de Feira de Santana ampliar e inovar os seus projetos.
 
Com tema “Uma história feita por sonhos” as comemorações foram divididas entre quase todos os equipamentos da FUNTITEC, para alcançar o maior público dos que fazem parte de atividades promovidas pela Prefeitura, através da Fundação. As homenagens serão feitas em solenidade na noite de quinta-feira, 11, a partir das 19h00, no Museu de Arte Contemporânea. O evento também sediará a entrega dos CD’s dos Festivais Vozes da Terra e Gospel, e um show musical com a cantora Feirense, Rachel Reis. 
Dentro das comemorações, a Fundação mais uma vez, aproveita os festejos para prestar homenagem também à pessoas que marcaram e vem fortalecendo a cultura na nossa cidade. Desta vez, as homenagens serão feitas à 15 personalidades sendo:
Prefeito Colbert Martins; José Henrique Motté (homenagem Póstuma); Jornalista José Carlos Machado Pereira - Zé Coió; Ronaldo Santos Ferreira - Rony Santini; José Pereira dos Santos; Carmém Lúcia Oliveira Pires - Membro da Academia de Cultura da Bahia, Jailson de Jesus; Maristela Lima Montes - Coreografa e professora de ballet; Pedro Adriano Silva Lima; Vamilton Conceição Pereira dos Santos - Val Conceição; Djalma Ferreira; Edson Felloni Borges, Arcebispo Émerito Dom Itamar Vian, Thaise Oliveira Peixoto Craddocka e Ester Bahia - garota que teve como tema do seu aniversário a heroína Maria Quitéria.
Conforme o presidente da FUNTITEC, Antônio Carlos Coelho, a iniciativa de prestar homenagens às pessoas e seus relevantes serviços vem da necessidade de ampliar o olhar cultural da cidade, e mostrar que sem a ajuda do feirense, a cultura não se fortalece. “Em todo período festivo da Fundação prestamos homenagens. Entendo que devemos incentivar toda e qualquer manifestação cultural. As homenagens é o reconhecimento que fazemos àqueles que fazem a nossa cidade crescer e ter visibilidade dentro e fora do Município”, afirma.

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.