variedades

Hospital da Mulher bate meta semestral com mais de 20 mil atendimentos na emergência e 5 mil internamentos


Mais de 20 mil atendimentos e 5.500 internamentos. Estes são os números revelados no balanço somente de janeiro a junho deste ano pela Prefeitura, através da Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS), no Hospital Inácia Pintos dos Santos (HIPS), o Hospital da Mulher.
Durante o semestre, a comunidade feirense teve acesso a mais de 3.500 atendimentos ambulatoriais por mês a importantes áreas da saúde pública e cerca de mil pessoas foram internadas para parto ou curetagem na unidade hospitalar. Já no comparativo desde 2013 foram mais de 15 mil internamentos, revelando um aumento da oferta a cada ano.
Outro diferencial da maternidade, na gestão do prefeito Colbert Martins Filho, é a oferta diária de tratamento especializado com fisioterapeuta e fonoaudiólogo, além de assistência pré-natal com a realização dos testes do pezinho, da orelhinha, da linguinha, do olhinho e do ouvindo. Todos os exames são preconizados [recomendados] pelo Ministério da Saúde.
“O horário de atendimento para qualquer especialidade pode ser agendado, de segunda a sexta, diretamente nos postos de saúde do município via central de regulação”, ressalta a presidente da FHFS, Gilberte Lucas, ou ainda no próprio hospital.
Os recém-nascidos prematuros têm, após alta médica, a oportunidade de atendimento ambulatorial gratuito por um ano e todos são realizados pela equipe médica e técnica do Hospital da Mulher.
Ambulatório atendeu 10 mil mil recém-nascidos e crianças de até 13 anos 
O setor ambulatorial se destacou com a marca de 10 mil recém-nascidos e crianças de até 13 anos com acesso direto a especialistas pediátricos, como cirurgião, hematologista, neurologista, ortopedia, cardiologista, endocrinologista, gastroenterologista, pneumologista, pediatra, nefrologista, fonoaudiólogo e fisioterapeuta.

Quando se trata de mães assistidas os números são mais animadores para o balanço da saúde pública municipal: foram mais de 4.500 pacientes que tiveram acompanhamento de nutricionista, endocrinologista, psicólogo, fisioterapeuta uroginecológico, além de pré-natal de alto risco, ultrassonografia, climatério, planejamento familiar, curativo e retirada de ponto, aferição de pressão arterial e ginecologista.
Equipe de funcionários excelente, diz paciente
A estudante de enfermagem Rosângela de Jesus Santos, moradora do bairro Aviário, é o exemplo entre as mais de 1200 pacientes que são acompanhadas pelo Serviço de Planejamento Familiar do Hospital da Mulher.
“Aqui mesmo fui atendida e direcionada para fazer exame transvaginal. É muito bom e não perdemos tempo, além da equipe de funcionários ser excelente”, afirma.
Nos últimos meses, a prefeitura já investiu cerca de R$ 1 milhão em reformas, ampliações e aquisições de novos e modernos equipamentos que contemplam além do ambulatório, setores como enfermarias, UTI neonatal, berçário, administrativo, logística, tecnologia da informação e de infraestrutura.
“Meu filho nasceu prematuro aqui neste hospital e tive toda assistência. Sempre que preciso de exames laboratoriais e de pediatra para meus filhos sou bem atendida”, relata Cristiane Souza, técnica em Saúde Bucal.

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.