política

Operação da PF seria contra-ataque de Moro a Maia, diz colunista


A prisão do ex-presidente Michel Temer, comandada por uma força-tarefa da Lava Jato, seria uma retaliação do ministro da Justiça Sérgio Moro ao  presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). As informações são do colunista Tales Faria, do UOL.

Além de Temer, mandados de buscas foram emitidos aos ex-ministros Moreira Franco e Eliseu Padilha, todos baseados na delação premiada de Lúcio Funaro, operador financeiro do MDB e ligado a Eduardo Cunha, ex-presidente da Câmara. Deputados próximos destacaram ao colunista Tales Faria o fato das prisões serem feitas um dia depois de Rodrigo Maia atacar Moro por ter tentado apressar a votação do pacote de segurança no Congresso.
Na quarta-feira (20), Maia suspendeu a tramitação do pacote de segurança para priorizar a votação da reforma da Previdência. Ele ainda afirmou que Moro “está confundindo as bolas” e que copiou o projeto de Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).
Fonte: UOL

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.