polícia

Inspetor da PRF explica Operação Rodovida e dá dicas para motoristas que vão pegar a estrada neste verão



A Polícia Rodoviária Federal lançou a 7ª edição da Operação Integrada Rodovida, uma ação de enfrentamento a violência no trânsito brasileiro, que conta com a participação das três esferas de governo. De acordo com o inspetor do PRF, Carlos Santos, o volume de policiais é o ideal para prosseguir com essa operação que é bastante longa.


“Começou em 14 de dezembro e vai até março, então temos um efetivo grande pra cobrir esse período de festas que antecede o ano novo e também depois”, informou.

De acordo com o inspetor Carlos Santos, a Polícia Rodoviária Federal observa durante o trabalho de abordagem a parte de segurança dos veículos, como pneus. Também observa se os veículos estão capacitados com relação ao cinto de segurança, se o condutor está habilitado e se as condições de dirigir do motorista estão boas em termos de álcool, além da documentação dos veículos.

O inspetor ainda deu algumas dicas para os motoristas que vão pegar a estrada durante esse período de feriadão. “O condutor não pode conduzir o veículo com uma sandália que não segure os pés, ele pode dirigir descalço. O cinto de segurança é obrigatório para todos que estão embarcados no veículo, por isso um veículo com capacidade para cinco pessoas não pode transportar seis. O motorista estará com excesso de lotação e uma pessoa estará sem o cinto”, destacou.

O inspetor Carlos Santos afirmou que a PRF sempre bate na tecla com relação ao início da viagem. “As pessoas devem fazer uma revisão básica no veículo com relação a faróis, sistema de iluminação, equipamentos obrigatórios como o triângulo, macaco e chave de roda”.

Fonte: Com informações do repórter Paulo José do Acorda Cidade

SOBRE Santiago Live

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.