Colbert Filho confia que novo governo federal dará mais atenção a Feira


O prefeito Colbert Martins Filho crê que Feira de Santana terá dias melhores com o novo governo, que vai tomar posse no primeiro dia de 2019. Mas para que bons resultados apareçam é necessário que se mantenha o equilíbrio financeiro e esforços administrativos para reduzir custos.

Na manhã desta quinta-feira, 20, o prefeito esteva no estúdio da Rádio Subaé AM, onde foi entrevistado no Programa Subaé Notícias, ancorado pelo radialista e jornalista Renato Ribeiro.
Ele disse que mantém boas relações com membros do primeiro escalão do futuro governo federal, iniciadas quando foi deputado federal e espera que o estado e Feira de Santana tenham nomes indicados para cargos federais.
Falou sobre o empréstimo tomado junto à Caixa Econômica Federal, R$ 100 milhões - e que será integralmente investido na infraestrutura do centro da cidade, da construção do Centro Comercial Popular, que vai oferecer qualidade e comodidade, tanto para os comerciantes de rua como para os clientes.
Afirmou que a solução para o CIS (Centro Industrial do Subaé), rebaixado de autarquia para diretoria na estrutura administrativa do estado, é de responsabilidade do titular do Palácio de Ondina. “A força e os argumentos para atrair de novas empresas diminuiu sensivelmente”.
O prefeito disse que a extinção do CIS, como autarquia, foi uma “grande falta de respeito para com Feira de Santana, que vai perder muitos empregos”. Reafirmou que não pretende fazer reforma administrativa, mas ajustes que consideram necessários estão sendo feitos. Colbert Filho estava acompanhado pelo secretário de Comunicação, Valdomiro Silva.
Share on Google Plus

Sobre Santiago Live

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário